quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Prisão na Venezuela

______________________________



O cartaz da foto acima, colocado nas ruas de Caracas, na Venezuela, faz parte de uma peça publicitária do governo de Hugo Chaves. Aquele cartaz encontra-se na rua desde antes do dia 12 de Outubro, Dia da Resistência Indígena naquele país.

Paradoxalmente, lembrando 1984, de George Orwell, o cacique yukpa Sabino Romero, que se encontra na foto do cartaz, está preso em uma guarnição militar do próprio governo chavista.

Uma mensagem de anarquistas venezuelanos deixa mais clara a situação:

Mientras el verdadero Sabino está incomunicado, su imagen sirve para maquillar de indígena al Estado. Si hubiera vergüenza en los burocratas, quitarían esas imagenes. Si hubiera dignidad en el chavismo pidieran al menos que a Sabino se le respete el debido proceso, y fuera investigado por la justicia indigena o civil y no por la justicia militar.
*****


Um comentário:

Anônimo disse...

o chavéz apreende rápido, depois do "cala-te" que ouviu do rei espanhol, resolveu aplicar internamente a lei do silêncio para os que não concordam com domesticação dos movimentos sociais...

justiça & liberdade para o cacique yukpa Sabino Romero!!

ass.: tavares

Loading...